Refutando o preterismo com a História


Neste vídeo eu apresento algumas razões pelas quais o preterismo é insustentável historicamente, argumentando principalmente em duas vias: (1) Nero não pode ser o “anticristo” dos preteristas; (2) o Apocalipse foi escrito depois de 96 d.C, e, portanto, não pode ser uma descrição dos eventos que giraram em torno de 70 d.C.


Uma correção: no minuto 9:20 do vídeo, eu afirmo que Nero foi o imperador romano na época da destruição de Jerusalém, e eu só percebi este erro depois de rever o vídeo (no minuto 7 eu já havia afirmado que Nero havia morrido antes disso, em 68 d.C). O imperador romano na época da destruição de Jerusalém foi Vespasiano. Como eu não sei mexer com edição, achei melhor corrigir por aqui do que refazer o vídeo.

Paz a todos vocês que estão em Cristo.

Por Cristo e por Seu Reino,
Lucas Banzoli (apologiacrista.com)


-Meus livros:

- Veja uma lista completa de livros meus clicando aqui.

- Acesse o meu canal no YouTube clicando aqui.


-Não deixe de acessar meus outros sites:
Apologia Cristã (Artigos de apologética cristã sobre doutrina e moral)
O Cristianismo em Foco (Reflexões cristãs e estudos bíblicos)
Desvendando a Lenda (Refutando a Imortalidade da Alma)
Ateísmo Refutado (Evidências da existência de Deus e veracidade da Bíblia)
Estudando Escatologia (Estudos sobre o Apocalipse)

Comentários

  1. Lucas Banzoli, voce é o cara!

    12:08 PM aqui na Inglaterra. Terminei de ver seu vídeo nesse instante. Ficou ótimo, bom demais!

    Uma verdadeira bomba no alojamento dos preteristas!

    Parabens

    ResponderExcluir
  2. Lucas!
    Como expressar? Tenho muito a dizer mas vou tentar resumir ao máximo.

    Minha visão era totalmente outra quanto à Igreja Católica, não sei se por inocência minha ou mesmo por ver e não querer acreditar nessa tendenciosa manipulação horrenda que ela faz com tudo que diz referente às escrituras.

    Mas hoje meditando cheguei no seguinte pensamento.
    Acredito que Deus tem sua maneira de trabalhar e a ICAR ter "tomado posse" das escrituras por um determinado período de tempo também foi a mão Dele agindo.

    Explico:
    Fiquei imaginado se Roma não tivesse se "convertido" ao cristianismo.. ela poderia muito bem ter posto fim aos escritos sagrados, ela dominava tudo, era a maior autoridade da época, podia matar, exterminar todos, e acabar com tudo que restara dos apóstolos do Senhor. (Até aqui estou falando dos evangelhos até porque os próprios judeus os desprezaram).

    Ao invés disso o que ela fez? Os traduziu para o latim e os preservou (manipulando o povo à vontade dela de início, mas tudo bem).

    Mas o plano de Deus era que essa verdade chegasse até nós um dia e assim aconteceu.
    E se reparar até o apocalipse que é uma revelação contra ela própria ela preservou.
    Me fiz a seguinte pergunta, se não tivesse ocorrido exatamente assim, como seria?

    Porque assim como Roma pôde impedir que todos chegassem às escritura ela também poderia simplesmente te-las destruído.

    Sabe Lucas seus artigos (nesse caso video) me faz parar para pensar e meditar, e eu gosto disso.

    Agradeço grandemente por ter me presenteado com mais essa bênção. Você é um homem instruído por Deus, e é muito bom no que faz.

    Que a paz de Cristo esteja conosco sempre. Amém.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comente abaixo. Sua participação é importante e será publicada após passar pela moderação. Todos os tipos de comentários ou perguntas educadas são bem-vindas e serão respondidas cordialmente, mas ofensas, deboches, divulgação de páginas católicas (links), control c + control v e manifestações de fanatismo não serão aceitos.